Miguel Arsénio e Inês Marques: campeões nacionais trail ultra

Miguel Arsénio e Inês Marques venceram o CNTU, que se realizou este fim-de-semana nos Trilhos do Paleozoico no concelho de Valongo.

A competição de corrida a pé na natureza foi disputada por cerca de duas centenas de atletas, que superaram um percurso com 49 quilómetros e cerca de 2.400 metros de desnível positivo pelo Parque das Serras do Porto.

Miguel Arsénio foi o primeiro a cruzar a meta situada no centro de Valongo, ao cabo de 4 horas 16 minutos e 35 segundos, conquistando o título nacional da distância Trail Ultra (entre os 42 e os 100 quilómetros). O atleta da equipa EDV – Viana Trail assumiu a liderança da competição cerca dos 10 quilómetros e na segunda metade da prova conseguiu conquistar uma vantagem face aos perseguidores que lhe permitiu gerir a última subida e terminar isolado.

A última subida demonstrou-se crucial para a definição do pódio, com António Almeida, do Clube Desportivo de Espite, e destacar-se de Roberto Baião, do OCS Arrábida Trail Team. António Almeida chegou à meta com o tempo final de 4h22m56s, conquistando o título de vice-campeão, e cruzou a meta 3 minutos depois.

Dário Moitoso, do CIAIA – Clube Independente de Atletismo Ilha Azul, que detinha o título da distância, terminou em 4º lugar, a 11m28s do vencedor, e Bruno Silva, da Furfor Running Projet, foi 5º a 15m58S.

Na competição feminina, Inês Marques dominou a prova desde o início, assumindo logo uma liderança destacada que foi crescendo na segunda metade da prova. A atleta do OCS Arrábida Trail Team concluiu a competição com o tempo final de 5h04m11s, conquistando o título nacional de campeã nacional de Trail Ultra.

A última subida da prova foi também determinante na definição do pódio feminino, com Marisa Vieira, a ser mais forte e a conquistar o 2º lugar, a 12m53s da vencedora. A atleta da Furfor Running Project superou a sua companheira de equipa Cristina Arreiol por 3m33s. Lucinda Sousa, do Gondomar Futebol Clube (a 34m59s da vencedora), e Alice Lopes do Ginásio Fit4Fun (a 41m34s), completaram o top-5 feminino.

O Campeonato Nacional de Trail foi coorganizado pela ATRP – Associação de Trail Running de Portugal em articulação com a Federação Portuguesa de Atletismo, com o apoio do Município de Valongo, da Junta de Freguesia de Valongo e do Grupo Dramático e Recreativo da Retorta.

EDV – Viana Trail e Furfor Running Project triunfam por equipas

Além da competição individual, o campeonato realizado nos Trilhos do Paleozoico atribuiu também os títulos nacionais de equipas na distância de Trail Ultra. O EDV – Viana Trail alcançou primeiro lugar, beneficiando das classificações de Miguel Arsénio (1º), Leonel Cunha (8º) e Pedro Barros (10º). Em segundo lugar ficou o OCS – Arrábida Trail Team, com Roberto Baião (3º), Miguel Pires (7º) e Ricardo Carreira (14º), e em terceiro o Clube Desportivo de Espite, com António Almeida (2º), Filipe Costa (11º) e Pedro Ribeiro (15º).

Na classificação feminina de clubes o primeiro lugar foi para o Furfor Running Project, com Marisa Vieira (2ª), Cristina Arreiol (3ª) e Paula Ferreira (11ª), e o segundo lugar para o OCS – Arrábida Tral Team, com a campeã nacional Inês Marques, Estela Martinho (9ª), e Amélia Costa (12ª). O EDV – Viana Trail completou o pódio, com Patrícia Palma (15ª), Maria Verde (17ª) e Maria Correia (19ª).

trail running é uma das modalidades em maior crescimento a nível mundial, inclusive em Portugal onde se estimam mais de meio milhão de praticantes. A modalidade consiste na corrida a pé em trilhos e na natureza, sendo uma disciplina do atletismo.


Resultados provisórios do campeonato em 
https://resultados.stopandgo.pro/748/

Fotografias: Fritz Photography

       

Sobre o Autor

Ultimas Notícias

 
ANDRÉ RODRIGUES E INÊS JOÃO VENCEM CAMPEONATO NACIONAL DE TRAIL ULTRA
Prova de 55 quilómetros de corrida a pé na natureza realizou-se em Sever de Vouga, num percurso com cerca de 2.500 metros de desnível positivo EDV – Viana Trail e Saca Trilhos Anadia triunfaram por equipas Trail running é uma das modalidades em maior crescimento a nível mundial, inclusive em Portugal onde se estimam mais
Filiação, época desportiva 22/23 e Campeonatos Nacionais
Filiação na FPAA Federação Portuguesa de Atletismo (FPA) e ATRP – Associação de Trail Running de Portugaltêm vindo a aprofundar as suas relações institucionais e desportivas, promovendo a totalintegração do trail no seio do atletismo ao mesmo tempo que reconhece a ATRP comoentidade responsável pela disciplina.Fruto do trabalho desenvolvido nos últimos meses, os atletas inscritos
22 Portugueses no Mundial de Montanha e Trail Running
Portugal participa na primeira edição do Campeonato Mundial de Montanha e Trail Running, que se realizará de 3 a 6 de novembro em Chiang Mai, na Tailândia. Este Mundial junta, pela primeira vez, a corrida em montanha e o trail running, e para representar o nosso país a Federação Portuguesa de Atletismo convoca 22 atletas
Circuitos e Campeonatos Nacionais – Época 2022/2023
Está aberto e a decorrer em my.atrp.pt o período de certificação de provas para a época 2022/2023. Todas as provas cujo pedido de certificação seja requerido até 30 de Setembro serão consideradas candidatas aos circuitos. As provas selecionadas serão contactadas até 15 de Outubro a fim de subscreverem os critérios de integração, sendo o calendário
Seleção Nacional de Trail – Bruno Sousa convocado
Devido a lesão, o atleta André Rodrigues não poderá dar o seu contributo à seleção nacional no mundial que decorrerá na Tailândia no próximo mês de Novembro.Após analisar os resultados dos atletas nos campeonatos nacionais da distância em que o atleta iria participar, a Direção Técnica da ATRP em conjunto com o selecionador nacional, decidiram
Seleção Nacional de Trail – Carlos Ferreira convocado
Devido a lesão, o atleta Luís Duarte não poderá dar o seu contributo à seleção nacional no mundial que decorrerá na Tailândia no próximo mês de Novembro.Após analisar os resultados de atletas na distância de Ultra Endurance, a Direção Técnica da ATRP, em conjunto com o selecionador nacional, decidiram convocar em seu lugar o atleta